VIANINHA CONTA O ÚLTIMO COMBATE DO HOMEM COMUM

  1. Compre agora!
    COMPRE AQUI

    FICHA TÉCNICA
    Texto: Oduvaldo Vianna Filho
    Concepção: Oduvaldo Vianna Filho e Ferreira Gullar
    Direção: Aderbal Freire-Filho
    Cenário: Fernando Mello da Costa
    Figurino: Ney Madeira e Dani Vidal
    Direção Musical e Trilha Sonora: Tato Taborda
    Iluminação: Paulo Cesar Medeiros
    Programação Visual: Cacau Gondomar
    Assessoria de Imprensa: Alessandra Costa (Duetto Comunicação)
    Direção de Produção: Lúdico Produções Artísticas


    Elenco (em ordem alfabética) / personagem:
    Ana Barroso (Nora Anita)
    Ana Velloso (Cora)
    Bella Camero (Suzana)
    Beth Lamas (Neli)
    Gillray Coutinho (Afonsinho)
    Isio Ghelman (Jorge)
    Kadu Garcia (Aparecida, Patrão e Médico)
    Paulo Giardini / Rodrigo Penna (Beto)
    Rogério Freitas (Souza)
    Vera Novello (Lu)

    Duração: 120 min
    Classificação indicativa: 14 anos

“VIANINHA CONTA O ÚLTIMO COMBATE DO HOMEM COMUM” estreou em junho de 2014 no Teatro SESC Ginástico. Em função do sucesso do espetáculo junto ao público e à crítica especializada, o espetáculo continuou em cartaz no Teatro Poeira. O espetáculo foi contemplado com os Prêmios Cesgranrio e Questão de Crítica na categoria Melhor Ator – (2014). Foi vencedor do Prêmio Questão de Crítica, na categoria Melhor Cenário. Foi indicado para Prêmio APTR nas categorias Melhor Ator e Iluminação.  Indicado a Prêmio Shell na categoria Melhor Ator. A direção de Aderbal Freire Filho, o elenco e o espetáculo também foram indicados ao Prêmio Questão de Crítica.  O espetáculo foi contemplado com o PRÊMIO FUNARTE DE TEATRO MYRIAM MUNIZ que permitiu a realização de 10 apresentações (Teatro da UFF, SESC Nova Iguaçu, SESC Niterói e SESC Teresópolis no início de 2015 e a participação do espetáculo na MOSTRA DE TEATRO TIRADENTES EM CENA – 3ª edição/ 2015 em Tiradentes – MG). “VIANINHA…” também foi contemplado no Edital Petrobras BR tendo realizado apresentações em Curitiba (Guairinha) e Cascavel (Teatro Municipal) em fevereiro de 2016. Participou da 12ª Festa Internacional de Teatro de Angra (FITA 2016). Está concorrendo ao Prêmio FITA 2016 nas categorias Melhor Produção e Destaque Especial para os atores Rogério Freitas e Vera Novello.

Lançando mão do humor, a peça conta o último combate deste homem comum – que é um pouco de todos nós. Depois de uma vida inteira de trabalho, um casamento de longa data e cinco filhos criados, Souza (o nosso protagonista) se vê sem ter onde morar e sem autonomia, sendo obrigado a se separar de sua companheira de toda a vida, por decisão dos filhos. Vianinha pinta um triste – e ainda atual – quadro sobre o idoso no Brasil, mas sempre usando as tintas do humor e assim imprimindo uma dimensão humana aos seus personagens.